sexta-feira, 28 de outubro de 2016

Diagnóstico precoce aumenta eficácia dos tratamentos no combate ao câncer de próstata

Conselheiro da FIDI (Fundação Instituto de Pesquisa e Estudo de Diagnóstico por Imagem) alerta sobre as chances de cura quando o tumor é detectado em estágio inicial; números do INCA apontam 61,2 mil novos casos previstos para este ano
 O “Novembro Azul” surgiu na Austrália em 2003 e foi celebrado no Brasil pela primeira vez em 2008. Focado especificamente na saúde do homem o movimento ressalta a importância do diagnóstico precoce no combate ao câncer de próstata que é o segundo tipo de câncer de maior incidência nos homens, atrás apenas dos tumores de pele não melanoma. De acordo com números do INCA – Instituto Nacional do Câncer, cerca de 61.200 novos casos são estimados para 2016. Em todo o mundo o câncer de próstata é o sexto tipo mais comum e representa cerca de 10% do total de cânceres, de acordo com a OMS – Organização Mundial da Saúde.

Saiba mais em Revista Saúde